20 quilos a menos com 21 km de corrida. Conheça Bruna Bernardes

20 quilos a menos com 21 km de corrida. Conheça Bruna Bernardes Bruna começou a correr depois de um susto em uma loja. Crédito: Ricardo Dungó/EAZ

Imagine aquela pessoa que dava um jeito de escapar das aulas de Educação Física sempre com algum atestado na época da escola e que levam um susto na vida e se obriga a cuidar da saúde? Está é a história de Bruna Bernardes, moradora do Rio que hoje em dia sobe correndo até o Cristo por ladeiras na Floresta da Tijuca.

Desde pequena, ela sempre viveu acima do peso e não se importava muito. Mas bastou ela ir numa loja de gestantes e que tudo mudou:

“Estava ajudando a escolher o enxoval da minha prima, quando a vendedora passou a mão na minha barriga e perguntou se era menino ou menina. Sai deprimida e decidi que minha vida iria mudar a partir desse episódio” – Conta.

Logo em seguida, ela procurou um nutricionista e começou uma dieta. Ela já praticava atividades físicas e levou a sério. Ao longo de quatro anos, foram 20 quilos perdidos e por incentivo de uma professora começou a correr.

“No início, corria 1km na esteira e depois caminhava outro já pensando nos 5 km do Circuito das Estações que iria participar e consegui completar. Mais confiante, resolvi aumentar meu desafio e parti para os 10 km e com muita disciplina, consegui chegar lá também. Depois, por pilha de amigos e dos professores da academia, acabei correndo a minha primeira meia maratona ano passado e mesmo sofrendo, fui lá e completei. Depois ainda fiz uma segunda e me orgulho de terminar ela sem caminhar. ” – Diz.


Foram 20 kg a menos antes de encarar sua primeira meia maratona. Crédito: Arquivo pessoal

Para incentivar uma vida saudável, Bruna tem uma página no Facebook onde procura incentivar as pessoas a ter uma alimentação correta e mostrar seus treinos. Em pouco mais de três anos, já conta com mais de 12 mil seguidores que procuram ela para conhecer sua história. O link para sua página pode ser acessado por este link.

Mídia

Crédito: Ricardo Dungó/EAZ