Ricardo Erlich

Ricardo Erlich

URL do site:

Conheça o percurso da De Elite Trail Festival que será realizada em novembro

A cidade de Rio Bonito reserva um percurso especial para desafiar qualquer um. Crédito: Ricardo Dungó/EAZ

 

Que tal participar de uma corrida na trilha ou de MTB num lugar próximo a cidade maravilhosa? Essa é a proposta DE Elite Trail Festival que irá acontecer na cidade de Rio Bonito nos dias 18 e 19 de novembro e que está com as inscrições abertas no site da prova.

Na corrida, serão duas opções: 15 km como um desafio mais leve e 30 km com diversas dificuldades. Outro destaque que ajuda a aumentar o desafio é o fato de haver dois cortes pelo caminho. Aqueles atletas que não passarem determinado horário, serão cortados da competição.  Já no ciclismo de MontaIn Bike, o desafio será de 60 km solo ou em dupla.

Outro destaque é que o atleta poderá participar da competição de 15km num dia e competir no ciclismo no outro. Haverá também shows após a premiação e food trucks na arena que será montada na Praça Green Valley, local de largada e chegada.

A disputa lá na frente promete também ser acirrada. Atletas como Manuel Lago, Chico Santos, Wellinton Carius, Camila Feijó, Carlos Magno e outros que representam o trail run pelo mundo estarão presentes nesta disputa.

O Esportes de A à Z esteve no último sábado (14) em Rio Bonito e pode conhecer um pouco do que será o percurso de 15 km da prova e preparou um vídeo aperitivo da competição que você pode conferir abaixo.

  • Publicado em Videos
  • 0

Brasil é tetracampeão no Raia Rápida

Bruno Fratus foi destaque ao derrotar o bicampeão olímpico Anthony Ervin. Crédito: Bruno Lopes/EAZ

 

Já virando tradição, o Raia Rápida foi disputado em uma manhã chuvosa no Maria Lenk, no Parque Olimpico e o Brasil conquistou o título mais uma vez sendo tetracampeão da competição. Disputado pela primeira vez com quarteto misto, Eitene Medeiros, Dayana de Paula, João Junior e Bruno Fratus se aproveitavam do fator casa e dominaram tanto no individual quanto no revezamento 4x50m medley.

A primeira a pular na água foi Etiene Medeiros no nado costas e ela conseguiu vencer todas as baterias disputando contra Hellen Moffitt que chegou muito perto.

Etiene Medeiros venceu todas as baterias e garantiu a vitória no estilo costas. Crédito: Bruno Lopes/EAZ

“Estou muito feliz de disputar o Raia Rápida que abriu as portas para as mulheres pela primeira vez. Costumo treinar com a Andrea da Argentina e foi boa a brincadeira hoje.” – Conta sobre a vitória

Já no estilo peito João Gomes Junior venceu numa disputa apertada contra o italiano Fabio Scozzoli

“Foi muito bom ter essa interação com as mulheres, já que em 2020, haverá a prova mista na competição. Viemos aqui para divertir o público e saio feliz com o resultado que obtivemos por aqui. ” – Conta.

Daynara de Paula fez seu melhor tempo do ano no estilo borboleta. Crédito: Bruno Lopes/EAZ

 

No borboleta, Daynara de Paula conseguiu obter seu melhor tempo do ano na segunda bateria com 26.44s, mas acabou sentindo o cansaço e não conseguiu vencer a americana Kendyl Stewart.

“Fazia tempo que não nadava nessa marca e estava precisando de uma marca dessas. Foi muito bom sentir a galera apoiando e será um gás para treinar bem rumo as olimpíadas de 2020” – Finaliza Daynara

A grande disputa estaria no estilo livre num duelo entre Bruno Fratus e Anthony Ervin, bicampeão olímpico. E o brasileiro conseguiu vencer todas as baterias.

“Essa competição é bem divertida e gostosa de participar. Essa minha fase quer dizer que estamos começamos a construir um bom ciclo olímpico e uma competição como essa é bom para ajudar a divulgar o esporte em nosso país” – Diz Bruno

João Gomes Junior larga para sua vitória no estilo peito. Crédito: Bruno Lopes/EAZ

E para finalizar o domínio brasileiro, no 4x50m medley, os brasileiros dominaram de ponta a ponta da prova e em mais uma disputa entre Fratus e Ervin que finalizou com o Brasil campeão do torneio.

Equipe do Brasil também dominou o revezamento 4x50m medley e faturou competição. Crédito: Bruno Lopes/EAZ

 .

Raia Rápida 2017 – Resultados

 

COSTAS  

1º - Etiene Medeiros (BRA) -28s

2º- Hellen Moffitt (EUA) – 28.74s

Andrea Berrino (ARG) – eliminada na 2º bateria

Elena Gemo (ITA) – Eliminada na 1º bateria

 

PEITO

1º - João Junior (BRA) – 27.25s

2º - Fabio Scozzoli (ITA) – 27.68s

Chuck Katis (EUA) – Eliminado na 2º bateria

Facundo Miguelena (ARG) – Eliminado na 1º bateria

 

BORBOLETA

1º - Kendyl Stewart (EUA) – 26.28s

2º - Daynara de Paula (BRA) – 26.76s

Elena Di Liddo (ITA) – Eliminada na 2º bateria

María Belén Díaz (ARG) – Eliminada na 1º bateria

 

LIVRE –

1º - Bruno Fratus (BRA) – 22,36s

2º - Anthony Ervin (EUA) – 22.64s

Lorenzo Benatti (ITA) eliminado na 2º bateria

Federico Grabich (ARG) – Eliminado na 1º bateria

 

REVEZAMENTO 4x50m medley

1º - Brasil – 1:45:53

2º - Estados Unidos – 1:46:53

3º - Itália – 1:46:67

4º- Argentina – 1:49:38s

 

PONTUAÇÃO TOTAL

1º - Brasil – 17 pontos

2º - Estados Unidos – 16 pontos

3º - Itália – 6 pontos

4º - Argentina– 5 pontos

 

Mais informações:

www.raiarapida.com.br

 

Ultramaratonista Marcio Villar embarca para Espanha em busca de novo recorde

Marcio parte em busca de mais uma conquista pessoal. Crédito: Ricardo Dungó/EAZ

 

Caminho de muitos peregrinos há 1200 anos, o Caminho de Santiago de Compostela é uma rota mundialmente conhecida e feita por diversos motivos, seja religioso ou esportivo. É nesse palco que o ultramaratonista Marcio Villar embarca amanhã para a Espanha e buscar um novo recorde mundial, o de fazer o caminho de 820km em 6 dias.

Seu caminho começa na cidade francesa de San Jean no caminho francês, já passando pela serra dos Pirineus e passa por lugares como Pamplona, Logroño, Burgos, León, Ponferrada até a chegada em Santiago da Compostela, na igreja onde estão os restos mortais de Tiago, um dos apóstolos mais próximos de Jesus que fugiu para região após sua crucificação.

“Ano passado não pude fazer o caminho Rio-Salvador de 1600km quando apareceu uma doença rara e autoimune nada a ver com a corrida. E quando estava deitado na cama do hospital com os médicos me examinando, recebi a mensagem de um amigo dizendo que um espanhol tinha batido esse recorde e isso me motivou a me recuperar e ir lá buscar para mim essa marca” – Conta Marcio de como surgiu a ideia.

Junto com ele, estará uma equipe de apoio formada por sua esposa Ana, Nilton Amaral, Paulo Eduardo, Cindy Luziane e Reginaldo Quintanilha que irá correr alguns dos trechos e nas cidades em que forem chegando, darão o apoio para a realização do recorde. Para conseguir essa marca, ele terá que percorrer cerca de 130km por dia.

 “O grande objetivo de fazer esse caminho é pelo projeto Juquinha que sou padrinho, que cuida de crianças com paralisia cerebral e síndrome de down. Se eu completar o desafio, gostaria que algum empresário apadrinhasse uma criança por um ano. Atualmente o Juquinha está curando cerca de 40 crianças que passarão a frequentar um colégio comum e outras serão colocadas para realizar o tratamento. Farei este desafio por eles.” – Diz.

Para acompanhar o Marcio será fácil. Basta acessar este link que é um spot que usará que marcará os lugares por ele passará a cada 15 minutos.

Veja este vídeo que o Marcio gravou falando sobre o desafio:

Sesc-Rj estreia com vitória no Estadual de Vôlei e já está na final

Monique fura mais um bloqueio para um ponto da vitória sobre o Botafogo. Crédito: Bruno Lopes/EAZ

 

Em partida válida pela semi-final do campeonato carioca de vôlei, o time do Sesc-Rj de Bernardinho foi a General Severiano e venceu o time do Botafogo por 3 sets a 0 com parciais de 25-19, 25-17 e 25-23.

O primeiro jogo da final será nesta quinta, as 20h no ginásio do Tiijuca contra o vencedor de Fluminense e Universo que jogam amanhã as 19h na quadra do Fluminense. E a segunda final na Hebraica no domingo às 21h.

Bloqueio foi uma das armas da vitória de hoje. Crédito: Bruno Lopes/EAZ

Assinar este feed RSS