Isabel Clark soma importantes pontos na corrida para os Jogos Olímpicos de Inverno 2018

Com o objetivo de somar preciosos pontos para a classificação aos Jogos de Inverno de 2018, Isabel Clark disputou no último sábado (21) a 2ª etapa da Copa do Mundo de Snowboard Cross. Após avançar às finais da competição, que teve Solitude (Estados Unidos) como sede pela primeira vez, a atleta brasileira alcançou a 23ª colocação.

Largando na 2ª bateria das quartas ao lado de grandes competidoras do circuito mundial, Clark tinha também como grande desafio o impacto das condições climáticas no percurso, situação que enfrentou ainda nas qualificatórias dois dias antes da competição.

“As condições alteraram muito a velocidade da pista. Em 30% das descidas pude completar aterrissando razoavelmente, mas em uma delas senti um impacto muito forte, que me causou certas dores musculares. Com um dia livre depois das qualificatórias e ajuda da minha fisioterapeuta Jacqueline, pude me recuperar bem para as finais”, ressaltou Clark.

No dia das finais, mais confiante, a rider largou bem, mas na primeira parte se desequilibrou em um dos saltos: “Aterrissei com muito impacto, o que me desequilibrou e fez perder a velocidade”. Mesmo assim, Clark soma pontos importantes na classificação para os Jogos de Inverno e se mantém no Top 30 da Copa do Mundo, um dos critérios válidos para garantir a ida a PyeongChang 2018.

Agora, o foco se volta para a terceira etapa do circuito, em Bansko (Bulgária), no dia 02 de fevereiro. “Apesar de não ter sido um bom resultado, são pontos importantes e mais uma experiência para chegar melhor preparada na Bulgária”, encerrou. 

Em Solitude, Eva Samkova venceu, seguida pela italiana Michela Moioli e a estadounidense Lindsey Jacobellis.

Assinar este feed RSS