fbpx

Coelho faz partida impecável e Botafogo sobrevive no NBB

Coelho faz partida impecável e Botafogo sobrevive no NBB Time consegue adiar a decisão para 5o partida. Crédito: Bruno Lopes/EAZ

Depois de perder a terceira partida do playoff com 25 pontos de diferença, o Botafogo foi para o tudo o nada na tarde de hoje no Oscar Zelaya e tinha a missão de vencer o Pinheiros para empatar e levar a decisão para uma vaga na semifinal e conseguiu! Saiu com a vitória por 88 a 73 e ainda está vivo no NBB.

E quem contribuiu e muito para essa vitória foi Coelho que fez nada menos que 29 pontos na partida e 15 deles em arremessos de 3 pontos que foi uma das armas utilizadas pelo time na vitória. Foi sua melhor pontuação na história do NBB.

“Hoje foi aquele dia que caiu tudo. A cada dia estou treinando mais e quando isso acontece a quadra fica grande para mim. A defesa funcionou bem e isso ajudou bastante. Precisávamos dessa vitória para elevar a nossa autoestima e vamos para São Paulo com todo o coração e botar 80% do plano de jogo do Léo e assim teremos uma grande chance de nos classificar. ” – Declarou após a partida.

Coelho foi o maior pontuador da partida. Crédito: Bruno Lopes/EAZ

O técnico Léo Figueiró do Botafogo contou do clima que ficará para o próximo jogo na casa do Pinheiros.

“Esse playoff tem que ser no ajuste fino e ir no jogo a jogo. Vamos para o 5º jogo tentar buscar nosso melhor e será uma grande celebração conseguir passar para as semifinais. O que aconteceu no final, foi para dar um clima para a próxima partida e fomos imaturos de ter caído nessa e vamos trabalhar para acertar para avançar. Nenhum time quer perder pois garante uma vaga na Liga das Américas e isso esquenta o clima”.

O Jogo

O primeiro quarto começou com um Pinheiros querendo logo disparar no placar e o Botafogo errando seus arremessos. Não demorou para os paulistas estarem com 7 a 0 de vantagem. A reação dos botafoguenses veio em quatro cestas de 3 pontos sendo 3 de Diego e uma de Coelho e o Botafogo chegou a ter uma vantagem com 12 a 10. Mas o Pinheiros voltou a acertar e no final do quarto, os times empataram em 14 a 14.

Já no segundo quarto, o Botafogo chegou a sair na frente com 17 a 14, mas não demorou para levar uma virada e a estar perdendo por 27 a 23. E em mais uma ótima reação, o time chegou até a virar abrindo 31 a 27. Mas numa falta técnica que o time tomou, acabou levando uma nova virada no último arremesso de Betinho e o Pinheiros fechou o primeiro tempo com 32 a 31.

Quinto jogo será confirmado em breve pelo NBB. Crédito: Bruno Lopes/EAZ

Com a necessidade de sobreviver no NBB, o Botafogo entrou muito forte no terceiro quarto e não demorou para disparar na liderança e anulando completamente o time de Pinheiros. O trunfo foram as cestas de 3 pontos que funcionaram mais uma vez e contribuíram decisivamente a favor do time carioca. Ao final, o Botafogo colocou uma vantagem de 15 pontos fechando em 64 a 49.

Com vantagem no placar, a missão do Botafogo passou a ser administrar a partida e soube fazer muito bem essa função como também ampliar a vantagem. No final, numa falta técnica sofrida por Jamaal, a confusão começou e piorou quando a partida terminal com os times partindo para a briga, mas sem nenhuma destruição. O Botafogo venceu o jogo por 88 a 73 e empatou a série das quartas de final.

A quinta partida será em Pinheiros em data a definir pelo NBB. Quem vencer, terá o Flamengo pelas semifinais.