Isaquias Queiroz e Jacky Godmann garantem vagas nas finais do Mundial Júnior e Sub-23


Em idade limite, é a última participação de Isaquias na competição. Crédito: Balint Vekassy/Divulgação

 

O três vezes medalhista olímpico Isaquias Queiroz fez o melhor tempo no primeiro dia de classificatórias do Campeonato Mundial de Canoagem Velocidade Junior e Sub-23, realizado em Bascov, na Romênia. Esta é a última vez que o atleta, que tem 23 anos, participa da competição, e depois de cumprir a bateria de 1000m no C1 Sub-23 em 3m57s820, ele garantiu a vaga na disputa da Final A. "Prova boa, deu para trabalhar bastante a remada e a técnica. Senti um pouco o fuso horário, a viagem para Europa é cansativa, acho que sábado vou remar melhor. Estou feliz com o resultado, agora é descansar, colocar a cabeça no lugar, dar o meu máximo e buscar o ouro", disse Isaquias.

Conterrâneo de Isaquias, o baiano Jacky Godmann fez o tempo de 4m13s468 nas classificatórias do C1 1000m Junior e também conquistou um lugar na disputa da Final A. " Estou feliz com meu resultado, focar agora para sábado conquistar a medalha, estou confiante". As provas valendo medalhas serão no sábado(29). 

No C2 1000m Masculino Júnior, os estreantes Savio Vieira e Helton Silva terminaram a bateria classificatória em 3m53s496 e ficaram para as semifinais. Na etapa seguinte os atletas garantiram uma vaga na final “B” da prova, ao finalizarem a disputa em 4m13s552. A final também será no sábado (29).

Para o coordenador técnico Álvaro Acco o primeiro dia de competição foi positivo, "começamos bem com duas finais A e uma B. E os meninos do C2 ainda um barco jovem, com o Helton cadete ainda, que tem muitos mundiais pela frente. Vamos aguardar as finais sábado e esperar que tudo corra bem".

 

Classificatórias de 500m e 200m

 

Nessa sexta-feira (28), é a vez de Marcos Scolari (K1 200m Jr), Gilmar Junior (K1 500 e 200m Sub-23) e Bruna Domingues (K1 500 e 200m Sub-23) disputarem as classificatórias de caiaque. Os atletas Isaquias Queiroz e Jacky Godmann voltam às águas na disputa do C1, na distância 200m. Bruna abre a participação brasileira do dia a partir das 3h40 da madrugada, no horário de Brasília.  As provas serão transmitidas ao vivo pelo canal do Youtube da Federação Internacional de Canoagem (FIC), clique aqui.

 

HISTÓRICO EM MUNDIAIS

A equipe Brasileira de Canoagem Velocidade já fez história nas disputas de Mundiais da categoria. A primeira conquista foi com o atleta Isaquias Queiroz, que com apenas 17 anos, na categoria Junior, garantiu duas medalhas em 2011, na cidade de Brandenburg, na Alemanha. Uma de ouro na prova C1 200m e outra de prata na C1 500m.

Quatro anos depois foi a vez da canoa feminina deixar sua marca, e a atleta Andrea Oliveira conquistou o bronze na prova de C1 200m, na categoria Sub-23, no Mundial realizado na cidade Montemor-o-Velho, em Portugal.

  

Equipe Brasileira:

Canoa

Isaquias Queiroz - C1 1000 e 200m Sub 23

Jacky Godmann – C1 1000 e 200m Jr

Helton da Silva – C2 1000m Jr

Sávio Santana – C2 1000m Jr

 

Caiaque

Marcos Scolari – K1 200m Jr

Gilmar Junior – K1 500 e 200m Sub 23

Bruna Domingues – K1 500 e 200m Sub 23

Última modificação emQuinta, 27 Julho 2017 18:56

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.