fbpx

Seleção de Ginástica Artística Masculina estreia neste sábado

Brasileiros são os atuais campeões por equipe Crédito imagem: Divulgação Brasileiros são os atuais campeões por equipe

Neste sábado (11), a ginástica artística masculina conhecerá o campeão por equipe dos Jogos Pan-Americanos de Toronto, no Canadá. Os brasileiros, atuais campeões, estão na primeira subdivisão, que começa às 15h35 (horário de Brasília). As provas terão transmissão dos canais SporTV (15h20 às 17h20 no SporTV e das 21h às 23h no SporTV2).

Às vésperas de uma competição tão importante, os atletas acabam tendo que lidar com a ansiedade. Aos 21 anos, Lucas Bitencourt é o mais jovem da equipe e estreante em Jogos Pan-Americanos, e destacou que o coração já está batendo mais forte. "Eu estou um pouco ansioso, mas isso é normal, porque sempre fico antes de competir", brincou Lucas. "A Vila Pan-Americana tem uma energia muita boa. Já dá para sentir o clima dos Jogos Olímpicos. Aqui estão atletas muito bons que antes eu só via pela televisão. Agora tenho a chance de conviver com eles", destacou o atleta da Seleção e do Serc Santa Maria (SP).

Lucas sabe da responsabilidade em representar o Brasil, ainda mais com a proximidade do Mundial da Escócia, em outubro, classificatório para os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, em 2016. Para isso, todos estão muito focados em fazer bonito. "Será um evento bem forte, com grandes equipes, como Colômbia e Estados Unidos, mas estamos bem preparados", finalizou .

Após fazerem aclimatação nos Estados Unidos, os meninos seguiram para o Canadá, onde estão desde o último sábado (4) fazendo treinamentos diários. Na quarta-feira (8) passaram pelos treinos de pódio e hoje pela manhã realizaram as atividades finais antes da estreia. Durante a preparação, tudo ocorreu exatamente como planejado pela comissão técnica. "Os meninos estão todos bem e agora é fazer o que foi preparado para essa competição", contou o coordenador das Seleções de Ginástica Artística Masculina da Confederação Brasileira de Ginástica (CBG) e chefe de equipe, Leonardo Finco.

"Nós estamos lutando para participar de todas as finais. Depois batalharemos pelas medalhas", completou Leonardo. Durante a classificatória de amanhã, os ginastas generalistas Caio Souza e Lucas Bitencourt se apresentam em todos os aparelhos. Arthur Nory Mariano fará as provas de solo, cavalo com alças, salto, paralelas e barra fixa. O campeão olímpico e mundial Arthur Zanetti estará no solo, argolas e salto. Já Francisco Barretto Júnior compete no cavalo com alças, argolas, paralelas e barra fixa.

No total, são 16 equipes, divididas em dois grupos. Os primeiros a se apresentarem serão Brasil, Canadá, Colômbia, Costa Rica, Estados Unidos, Porto Rico, República Dominicana e Trinidad e Tobago. Na sequência, às 20h35, entram em cena os ginastas da Argentina, Bolívia, Chile, Cuba, El Salvador, Equador, Guatemala, México, Panamá, Peru, Uruguai e Venezuela. Além do título por equipe, serão definidos os classificados para as finais do Individual Geral, na segunda-feira (13), e por aparelhos, na terça-feira (14) e quarta-feira (15). 

A equipe brasileira está formada por Arthur Nory, Arthur Zanetti, Caio, Francisco e Lucas. Petrix Barbosa é o reserva. Os técnicos são Cristiano Albino, Marcos Goto e Renato Araújo. Estão em Toronto também os árbitros Daniel Biscalchin, Roberto Nassar, Robson Caballero e Rodrigo Caron.

Raphael Oliveira

Raphael Oliveira, Carioca morador de Uberlândia desde 2011 pós-graduado em Jornalismo Esportivo pela Faculdades Integradas Hélio Alosno (FACHA-RJ), apaixonado por esportes fundador do site de notícias esportivas “Esportes de A a Z” onde se divide entre editor e fotógrafo, possui na currículo cobertura de eventos como Grand Slam de Judo, Mundial de Judo, Liga Mundial de Vôlei, Finais do NBB e Superliga de Vôlei, Mundial de Natação Paralímpica, NBA e UFC e Paralímpiadas Rio 2016.