fbpx

Capitã da Seleção Feminina Dara fica fora do Pan de Toronto

Dara, capitã da Seleção Feminina Crédito imagem: Alexandre Loureiro/Photo&Grafia Dara, capitã da Seleção Feminina

A Seleção Feminina de Handebol terá uma baixa importante para a disputa dos Jogos Pan-Americanos de Toronto. A capitã da equipe, Fabiana Diniz, a Dara, não poderá fazer parte do grupo por conta de uma trombose venosa profunda na perna esquerda. A pivô será substituída por Elaine Gomes, que atua na mesma posição e também fez parte da Seleção na conquista do ouro mundial em 2013. 

Segundo a médica da Seleção Feminina, Dra. Pauline Bittencourt, a atleta sentiu uma forte dor na perna e após alguns exames foi diagnosticada a trombose venosa profunda. "É um caso importante e, por isso, exige repouso absoluto. Ela está sendo assistida pela equipe médica da Seleção, já foi medicada e irá fazer outros exames para podermos determinar o tempo exato de recuperação", explicou a médica. 

A pivô lamenta o fato de ficar ausente de uma competição tão importante como os Jogos Pan-Americanos, mas se sente aliviada pelo diagnóstico ter sido feito agora. "Para mim, foi um balde de água fria não ir para o Pan. Quem me conhece sabe o quanto representar o Brasil me move, me alimenta e, nas portas da competição ficar de fora por um tema tão grave, me deixa impotente e muito triste. Porém, ao saber dos riscos que estava correndo, ao ter descoberto isso com tempo, não tenho como pensar em outra coisa que não seja agradecer a Deus por tudo. Mais uma vez, me considero abençoada, pois poderia sofrer consequências gravíssimas", disse Dara. 

A capitã da Seleção Feminina em tantas conquistas se sente confiante e pronta para seguir à risca o tratamento. "Ainda não sei o tempo de recuperação. Tenho alguns resultados para pegar e alguns exames para fazer. O que se sabe é que devido à medicação, necessito de repouso em princípio de três meses."

O técnico da equipe campeã mundial, Morten Soubak, sente a ausência da jogadora, mas também destaca que a prioridade é o bem-estar dela. "Sinto muito e espero que ela recupere logo para poder voltar à quadra, mas agora ela precisa se cuidar e voltar bem para os próximos compromissos que temos", disse o dinamarquês. 

A Seleção Feminina se apresenta no próximo dia 9 para treinamentos em São Caetano do Sul (SP). De lá, segue no dia 12 para Toronto.

Raphael Oliveira

Raphael Oliveira, Carioca morador de Uberlândia desde 2011 pós-graduado em Jornalismo Esportivo pela Faculdades Integradas Hélio Alosno (FACHA-RJ), apaixonado por esportes fundador do site de notícias esportivas “Esportes de A a Z” onde se divide entre editor e fotógrafo, possui na currículo cobertura de eventos como Grand Slam de Judo, Mundial de Judo, Liga Mundial de Vôlei, Finais do NBB e Superliga de Vôlei, Mundial de Natação Paralímpica, NBA e UFC e Paralímpiadas Rio 2016.