fbpx

Americanos Chistine e Chip são os novos Rei e Rainha do Mar

Americanos Chistine e Chip são os novos Rei e Rainha do Mar Chip Peterson e Christine Jennings venceram uma prova muito disputada no mar de Copacabana. Crédito: Bruno Neves Lopes/Esportes de A à Z

Na disputa mais equilibrada de todos os tempos nas águas calmas de Copacabana, a dupla americana Chirstine Jennings e Chip Peterson são os novos Rei e Rainha do Mar. Com a americana encerrando sua carreira, tiveram que superar os brasileiros Allan do Carmo, Poliana Okimoto, Samuel de Bona e Betina Lorscheitter que no final, acabaram ficando para trás.

A disputa foi muito parelha com troca de posições ao longo das seis voltas no percurso. Na primeira volta, Poliana e Betina saíram na frente seguidas por Christine. Mas logo perderam a liderança quando Chip entrou na água e recuperou o terreno perdido.

Na largada, as brasileiras se saíram bem. Crédito: Bruno Neves Lopes/Esportes de A à Z

Poliana numa recuperação espetacular, retomou a liderança e quando Allan entrava novamente, perdia terreno para o americano.

Ao final, todos os nadadores forçaram o ritmo e ficaram emparelhados e a decisão ficou para o trecho da corrida na areia e foi quando Chip se deu melhor e faturou para os Estados Unidos o título de Rei e Rainha do Mar

“Esta foi a minha última prova na carreira e foi muito bom sair por cima vencendo esta competição que foi muito apertada. Estou muito feliz que vim aqui e 2010 aqui e gostei bastante e a cidade ficará marcada para sempre para mim. ” – Conta Christine Jennings sobre sua última vitória na carreira de nadadora.

Alemã Angela Maurer incentiva sua dupla Christian Reichert nos últimos metros. Crédito: Bruno Neves Lopes/Esportes de A à Z 

 

“Estou muito feliz com esta vitória que foi muito difícil. Os outros competidores eram muito fortes e foi bom vencer aqui onde será o palco das olimpíadas mesmo eu não vindo para cá na competição de mar aberto. Nunca imaginei me sentir tão à vontade e o público foi muito carinhoso comigo e me sinto bem sendo rei em Copacabana. ” – Narra Chip Peterson.

Infelizmente os brasileiros acabaram ficando nas últimas posições respectivamente em quinto e sexto. Mas mesmo com o resultado ruim, não estão desanimados.

 “Nadar em Copacabana sempre é imprevisível. Quanto mais vezes conseguir vir aqui competir e treinar melhor. Sabemos que um dia o mar está de um jeito e tem dias de outro. Já fui rainha com o Samuel em 2013, mas o Alan e eu estamos voltando de férias e estamos focados na prova olímpica onde daremos o nosso máximo. “ – Fala Poliana sobre a prova.

“O mar estava tranquilo e quente hoje. Sair do mar e entrar na areia quente que foi a minha maior dificuldade. Eu prefiro o mar balançando que é como me dou melhor. Sempre é bom estar aqui e ver o terreno para poder me dar bem nas olimpiadas.” – Diz Allan do Carmo.  

Atletas fazem selfie na festa do pódio. Crédito: Bruno Neves Lopes/Esportes de A à Z

Resultado:

1º- Estados Unidos - Chip Peterson e Christine Jennings

2º- Alemanha - Christian Reichert e Angela Maurer

3º- África do Sul -  Chad Ho e Michelle Weber

4º -  Itália -  Matteo Furlan e Alice Franco

5º- Brasil amarelo- Allan do Carmo e Poliana Okimoto

6º - Samuel de Bona e Betina Lorscheitter