INSCRIÇÕES PARA A 20ª ETAPA DO REI E RAINHA DO MAR TERMINAM NESTA TERÇA-FEIRA

Vai começar a temporada 2016 do Circuito Light Rei e Rainha do Mar. A primeira etapa do ano, que também será a 20ª da história do maior festival de esportes de praia do Brasil, acontece no próximo dia 13 de março, nas praias do Leblon e do Arpoador, Zona Sul do Rio de Janeiro. Cerca de 3.500 atletas, entre amadores e profissionais, devem participar da festa. O evento reúne competições de natação, corrida, biathlon e stand-up paddle. As inscrições estão abertas e podem ser feitas somente até esta terça-feira, dia 8 de março.

 

Os amantes da natação no mar podem escolher entre três provas: Sprint (1 km), Classic (2 km) e Challenge (3,5 km). E para quem gosta de correr, a nova opção é a Sport Relief Mile 2016 – Beach Run, que possui um percurso de 2 km. Já as inscrições para Beach Run de 4 km estão esgotadas. A Beach Biathlon, com 1 km de natação e 2 km de corrida na areia, é outra prova bastante procurada pelos fãs do evento. Completando o “cardápio” de competições, o stand-up paddle, ou SUP para os íntimos, aparece com três opções distâncias: 2 km, 4 km (2 provas) e 8 km (2 provas).

 

Cláudia Swan, ex-atleta olímpica de Vela, representante do Brasil nos Jogos de Barcelona, em 1992, e também medalhista o no Pan-Americano de Cuba, em 1991, já garantiu participação no evento. Ela vai participar da Beach Biathlon.

 

“Amo praticar esportes e encontrei no triathlon amador um novo desafio. E no caso da natação, uma antiga paixão. Pela idade, estou num momento de desacelerar o físico, mas a cabeça insiste em pensar que ainda estou jovem. Não tenho trono de rainha, mas adoro o mar”, brinca Cláudia, 52 anos, que também é tia e madrinha de Isabel Swan, atleta da Vela que foi bronze nos Jogos de Pequim, em 2008, e vai representar o Brasil nas Olimpíadas do Rio.

 

Para participar do Circuito Rei e Rainha do Mar, o atleta precisa ter idade mínima de 14 anos, completados até 31 de dezembro de 2016. Os valores variam de acordo com a prova. As inscrições são feitas através do site oficial do evento:www.reierainhadomar.com.br.

 

DE CARA NOVA

Para comemorar a realização da sua 20ª etapa em oito anos de existência, o Circuito Rei e Rainha do Mar abre a temporada 2016 de cara nova. O maior festival de esportes de praia do Brasil apresenta uma nova identidade visual, utilizando a presença de cores quentes e atreladas a um layout que se aproxima da arte urbana. O evento ganha um visual mais jovem e moderno, com mais ilustrações e com menos fotografias na comunicação, ficando ainda mais com a cara do Rio de Janeiro e com total sinergia com o clima de verão e prática de exercícios ao ar livre.

 

As referências à Cidade Maravilhosa são claras, ressaltando as raízes cariocas, como na presença do Corcovado e nos braços abertos do Cristo Redentor. Estes elementos serão mutáveis, sempre procurando destacar uma beleza diferente da cidade, tanto nas próximas etapas que ocorrerão no Rio, quanto em cada uma das provas que ainda estão para ocorrer fora do estado, fazendo parte do Circuito Nacional.

 

Segundo André Zottich, Diretor de Arte com mais de 10 anos de experiência no mercado e responsável pelas novas ilustrações, “outro grande conceito por trás dessa identidade visual é o aspecto sensorial. As texturas da ilustração são utilizadas para dar a impressão de materiais diferentes e essa experiência também deve ser encontrada nos espaços onde haverá interação com o público, como é o caso da arena do Rei e Rainha do Mar”. A nova arte também inclui o aspecto democrático do evento, trazendo atletas em todas as modalidades existentes no evento: travessias aquáticas, corrida na areia e stand up paddle.

 

SOBRE O CIRCUITO REI E RAINHA DO MAR

O Circuito Rei e Rainha do Mar está completando oito anos de sucesso. Desde 2014, o evento é o único representante da América do Sul na World Open Water Swimming Series (WOWSS), série que reúne as 13 melhores competições de águas abertas do mundo. Em 2015 o circuito passou a fazer parte também de outra série reconhecida mundialmente: a Global Swim Series. A chancela da GSS caracteriza o Rei e Rainha do Mar como um evento seguro, divertido e competitivo para nadadores de diferentes níveis e países.

 

No ano de 2015, pela primeira vez em sua história, o Circuito Rei e Rainha do Mar saiu do Rio de Janeiro, desembarcando com sucesso na bela praia de Jurerê Internacional, em Florianópolis, Santa Catarina, e no Aterro de Iracema, em Fortaleza, Ceará. Em 2016, provas do Circuito Nacional já estão confirmadas nas cidades de São Paulo e Bahia.

 

As etapas do Rei e Rainha do Mar no Rio de Janeiro são apresentadas pela Light, viabilizadas por Secretaria de Esporte, Lazer e Juventude, através da Lei de Incentivo ao Esporte, com patrocínio da Piraquê, e Great Britain Apoio de Furnas e promoção JB FM. As etapas de fora, correspondentes ao Circuito Nacional, contam com patrocínio da Lei Federal de Incentivo ao Esporte e do Premmia, programa de fidelidade dos postos Petrobras, além do apoio das Prefeituras locais.

 

Serviço:
Circuito Light Rei e Rainha do Mar
Data: 13 de março de 2016 
Local: Praias do Leblon e Arpoador
Informações e inscrições: 
www.reierainhadomar.com.br

Americanos Chistine e Chip são os novos Rei e Rainha do Mar

Na disputa mais equilibrada de todos os tempos nas águas calmas de Copacabana, a dupla americana Chirstine Jennings e Chip Peterson são os novos Rei e Rainha do Mar. Com a americana encerrando sua carreira, tiveram que superar os brasileiros Allan do Carmo, Poliana Okimoto, Samuel de Bona e Betina Lorscheitter que no final, acabaram ficando para trás.

A disputa foi muito parelha com troca de posições ao longo das seis voltas no percurso. Na primeira volta, Poliana e Betina saíram na frente seguidas por Christine. Mas logo perderam a liderança quando Chip entrou na água e recuperou o terreno perdido.

Na largada, as brasileiras se saíram bem. Crédito: Bruno Neves Lopes/Esportes de A à Z

Poliana numa recuperação espetacular, retomou a liderança e quando Allan entrava novamente, perdia terreno para o americano.

Ao final, todos os nadadores forçaram o ritmo e ficaram emparelhados e a decisão ficou para o trecho da corrida na areia e foi quando Chip se deu melhor e faturou para os Estados Unidos o título de Rei e Rainha do Mar

“Esta foi a minha última prova na carreira e foi muito bom sair por cima vencendo esta competição que foi muito apertada. Estou muito feliz que vim aqui e 2010 aqui e gostei bastante e a cidade ficará marcada para sempre para mim. ” – Conta Christine Jennings sobre sua última vitória na carreira de nadadora.

Alemã Angela Maurer incentiva sua dupla Christian Reichert nos últimos metros. Crédito: Bruno Neves Lopes/Esportes de A à Z 

 

“Estou muito feliz com esta vitória que foi muito difícil. Os outros competidores eram muito fortes e foi bom vencer aqui onde será o palco das olimpíadas mesmo eu não vindo para cá na competição de mar aberto. Nunca imaginei me sentir tão à vontade e o público foi muito carinhoso comigo e me sinto bem sendo rei em Copacabana. ” – Narra Chip Peterson.

Infelizmente os brasileiros acabaram ficando nas últimas posições respectivamente em quinto e sexto. Mas mesmo com o resultado ruim, não estão desanimados.

 “Nadar em Copacabana sempre é imprevisível. Quanto mais vezes conseguir vir aqui competir e treinar melhor. Sabemos que um dia o mar está de um jeito e tem dias de outro. Já fui rainha com o Samuel em 2013, mas o Alan e eu estamos voltando de férias e estamos focados na prova olímpica onde daremos o nosso máximo. “ – Fala Poliana sobre a prova.

“O mar estava tranquilo e quente hoje. Sair do mar e entrar na areia quente que foi a minha maior dificuldade. Eu prefiro o mar balançando que é como me dou melhor. Sempre é bom estar aqui e ver o terreno para poder me dar bem nas olimpiadas.” – Diz Allan do Carmo.  

Atletas fazem selfie na festa do pódio. Crédito: Bruno Neves Lopes/Esportes de A à Z

Resultado:

1º- Estados Unidos - Chip Peterson e Christine Jennings

2º- Alemanha - Christian Reichert e Angela Maurer

3º- África do Sul -  Chad Ho e Michelle Weber

4º -  Itália -  Matteo Furlan e Alice Franco

5º- Brasil amarelo- Allan do Carmo e Poliana Okimoto

6º - Samuel de Bona e Betina Lorscheitter

 

3 mil atletas estiveram presentes no Rei e Rainha do Mar neste sábado

Palco onde acontecerá a competição de maratona aquática nas olimpíadas ano que vem, a praia de Copacabana recebeu na manhã de hoje uma galera animada que se superou tanto no mar limpo e sem ondas na disputa das várias competições do Rei e Rainha do Mar pela terceira vez no ano.

Entre os participantes encontramos o atleta paralímpico Paulo Afonso de Menezes que defende o Vasco em todas as competições. Nadador desde criança, não se abalou com o acidente que teve que diminuiu seus movimentos e participou da Classic, prova de 2 km no mar.

Paulo Afonso de Menezes participa de provas de maratona aquática desde 2004. Crédito: Ricardo Erlich/Esportes de A à Z

 

“Sempre fui nadador desde pequeno e quando tive meu acidente em 2004, descobri que tinha atletas paralímpicos e resolvi me juntar a eles. Participo de provas desde a época da travessia dos fortes com uma água muito gelada e quando completei, tive que ser enrolado numa manta térmica. Mas desde então, venho participando direto de vários eventos aqui no Rio. Gostaria de participar de eventos fora daqui, mas com a dificuldade de arrumar patrocínio fica difícil para mim. Estou feliz que fechei minha temporada nesta prova em segundo na minha categoria. ” – Conta

No feminino também na Classic, estava a professora Linda Letícia. Acostumada a dar aulas de natação tanto em Copacabana como em Nova Iguaçu, ela sofreu um pouco para participar pela falta de treino, mas conseguir completar bem o seu desafio.

“Nado desde os 12 anos de idade e cheguei a ser atleta vinculada. Depois fiz faculdade de educação física e segui no esporte. Trabalho com natação infantil e adultos. Não tenho muito tempo para treinar. Ou fico na beira da piscina ou com os meus pequenininhos. Hoje me senti um pouco cansada demais e deu para levar. Esse é um evento bem organizado e um evento bem organizado. É uma honra poder estar presente e nadar com grandes nomes como a Poliana e o Allan que estão presentes participando com todos nós. ” – Diz Linda 

Professora de natação, Linda Letícia se divertiu participando da Classic, prova de 2 km no mar. Crédito: Ricardo Erlich/Esportes de A à Z

A elite que estará presente amanhã no Desafio Elite Rei e Rainha do Mar aproveitou o evento para acertar os últimos detalhes da prova. Mesmo com o tempo não sendo computados, o americano Chip Petterson estava saindo tranquilamente da água quando o gaúcho Samuel de Bona surpreendeu dele e o passou a frente na linha de chegada 

“Foi legal hoje, não poderia ter deixado ele ganhar fácil de mim. Ele olhou para trás e ai não pensei duas vezes, olhou passei. Foi um bom treino para amanhã e tenho certeza que ele viu que não terá vida fácil” – Narra Samuel sobre sua vitória hoje.

O brasileiro Samuel de Bona e o americano Chip Petterson fizeram uma chegada disputada. Crédito: Ricardo Erlich/Esportes de A à Z

Já a sua dupla, Betina Lorscheitter teve vida um pouco mais fácil e venceu com alguma vantagem. 

“Foi um bom treino para amanhã, fiz essa prova para sentir e me habituar o percurso e sentir como está o mar. Ele está calminho como uma piscina e com uma temperatura boa e tem tudo para ser uma grande prova amanhã. Minha dupla chegou em primeiro também e temos que estar atento em todos os detalhes e contar um pouco com a sorte também. ” – Conta.

O rei e Rainha do Mar contou também com as provas Beach Run (corrida de 5km na areia) que teve como vencedores Adair José e Beatriz Fernandes. Já no Sprint (1km no mar), deu Pedro Henrique Alcântara e Thais Sant’Anna. No  Beach Biathlon, que reúne 1km de natação no mar e 2,5km de corrida na areia, Eduardo Gonzalez e Claudia Dumont subiram no lugar mais alto. Daniel Cunha e Larissa Emerich venceram na Classic e Artur Pedroza e Thais Sant’Anna no Challenge (4km no mar).

Amanhã a partir as 11 horas começa o desafio Elite da competição. Serão seis voltas num percurso de 450m na água e mais 50m na areia que definirá quem serão o Rei e Rainha do Mar de 2015. Allan do Carmo que venceu ano passado com Ana Marcela Cunha vem tentar o bicampeonato da competição desta vez tendo como dupla Poliana Okimoto. A disputa promete ser boa e equilibrada com duplas dos Estados Unidos, Alemanha, Itália e África do Sul.

 

 

Atletas da elite da maratona aquática marcam presença no Rei e Rainha do Mar

Neste fim de semana, as areias da princesinha do mar irão receber pela terceira vez no ano o desafio do Rei e Rainha do Mar. E para tornar melhor ainda, conta com a presença de grandes nomes da maratona aquática mundial que irão dar um brilho a mais na competição dos amadores no sábado e no domingo, eles estarão disputando na competição de elite.

Na manhã desta sexta, rolou o grid de largada para definir a ordem de largada com um mar calmo e sem ondas. Mesmo com Poliana e Betina terem sido as mais rápidas entre as mulheres, a dupla americana Chip Peterson e Christine Jennigs fez o menor tempo no somatório e irão pular na frente seguidos pelos italianos, sul-africanos e ai sim as duas duplas brasileiras com os alemães em último.

“Essa é uma das provas mais fortes e parelhas que já vim nadar aqui. Os outros atletas são medalhistas mundiais e aqui vai ganhar quem tiver mais sorte ou experiência, principalmente na corrida e sem dúvidas vai ser minha prova mais emocionante este ano, espero que tenha ondas e seja uma maratona e não uma piscina. ” – Conta Samuel de Bona, um dos representantes brasileiros na competição. 

 Um dos desafios que os atletas de elite terão na competição será o pequeno trecho na areia que eles terão que correr e promete ser um dos diferencias para quem souber se dar bem nessa parte.

“Ontem tivemos uma aula com professores que ensinam a correr na areia. Conseguimos aprender algumas técnicas. Eu tentei! Aprendi algumas dicas para melhorar postura como levantar os braços, pisar no meio do pé e espero conseguir assimilar isso todo para estar bem no domingo” – Diz Betina Lorscheitter, a brasileira que fará dupla com Samuel.

Betina Lorscheitter é uma das representantes brasileiras no evento. Crédito: Bruno Neves Lopes/Esportes de A à Z

Neste sábado, acontece a prova para os amadores começando as 7h com a Beach Run, corrida de 5 km e segue pela manhã com as provas de maratona aquática que contará com a presença especial dos participantes da elite que estarão espalhados pelas provas.

“Estarei participando da prova de 4 km para poder sentir o clima da competição e as condições do mar. Estive treinando aqui algumas semanas atrás e pretendo vir sempre até os jogos olímpicos” – narra Poliana Okimoto que fará dupla com Allan do Carmo.

Allan do Carmo e Poliana Okimoto também marcam presença no desafio elite. Crédito: Bruno Neves Lopes/Esportes de A à Z

 

RESULTADO GRID DE LARGADA DESAFIO PIRAQUE REI E RAINHA DO MAR

1º- Estados Unidos - Chip Peterson e Christine Jennings- 8’59”00

2º- Itália -  Matteo Furlan e Alice Franco – 9’02”00

3º- África do Sul -  Chad Ho e Michelle Weber – 9’09”09

4º- Brasil amarelo- Allan do Carmo e Poliana Okimoto-  9’09”56

5º- Brasil verde -  Samuel de Bona e Betina Lorscheitter- 9’17”65

6º- Alemanha - Christian Reichert e Angela Maurer- 9’23”41

 

SERVIÇO:

Circuito Light Rei e Rainha do Mar

Quando: sábado (12/12)

Horário: A partir de 7h

Local: Praia de Copacabana – Posto 5

Informações: www.reierainhadomar.com.br

 

Desafio Piraquê Rei e Rainha do Mar 2015

Quando: domingo, 13 de dezembro

Horário: 11h

Local: Praia de Copacabana – Posto 5

Informações: www.kingandqueenofthesea.com

 

Inscrições para a última etapa do Circuito Light Rei e Rainha do Mar 2015 terminam na próxima segunda-feira, dia 7 de dezembro

As inscrições para a última etapa do Circuito Light Rei e Rainha do Mar terminam na próxima segunda-feira, dia 7 de dezembro. O evento, que acontece no sábado, dia 12 de dezembro, na Praia de Copacabana, deve reunir cerca de 3 mil participantes na Zona Sul do Rio de Janeiro, que vão se aventurar e se divertir em competições de natação no mar, corrida na areia, biathlon e stand up paddle. Os interessados em participar da etapa que vai abrir o Verão carioca e encerrar o circuito 2015 do maior festival de esportes de praia do Brasil podem fazer suas inscrições através do site reierainhadomar.com.br.

 

Um dos destaques da etapa final do Circuito Light Rei e Rainha do Mar é a integração de atletas amadores com atletas profissionais de alta performance. Os participantes amadores inscritos, vindos de diversos estados brasileiros e até de outros países, podem competir na mesma prova onde nadam atletas de elite acostumados a disputar campeonatos no mundo inteiro.

 

A etapa final do Rei e Rainha proporciona a oportunidade de atletas amadores interagirem com estrelas do esporte, nacionais e internacionais. Vale lembrar que vários atletas da elite optam por nadar também, no sábado, as provas abertas, lado a lado com os amadores. Não sei se algum outro evento proporciona esta oportunidade”, diz Pedro Rego Monteiro, um dos organizadores do evento, se referindo aos atletas de elite do Brasil, Estados Unidos, África do Sul, Alemanha e Itália que vão competir o Desafio Piraquê Rei e Rainha do Mar, marcado para o domingo, dia 13 de dezembro.

 

As vagas ainda restantes para o Rei e Rainha do Mar são poucas. Entre as já tradicionais provas do circuito, estão a sempre disputada Challenge, com 4km de natação do mar, a desafiadora Beach Run, com 5km de corrida na areia, e a eletrizante Beach Biathlon, que mescla 1km de natação no mar com 2,5km de corrida na areia. Além disso, o evento ainda conta com as emocionantes disputas no mar das provas Sprint, com 1km de natação, e Classic, 2km de natação. Já os amantes de stanp up paddle, o SUP, podem participar de provas com percursos de 2km, 6km ou 12km.As provas de SUP nesta etapa também encerram o campeonato estadual e brasileiro da modalidade. 

 

Para participar, a idade mínima é de 14 anos completos até 31 de dezembro de 2015.  As inscrições, que podem ser feitas no site reierainhadomar.com.br, tem valores que variam de acordo com lotes e modalidade.

 

Serviço:
Circuito Light Rei e Rainha do Mar
Data: 12 de dezembro
Local: Praia de Copacabana – Posto 5
Informações e inscrições: www.reierainhadomar.com.br

 

Conheça os países e as estrelas da natação mundial que vão disputar o Desafio Elite Rei e Rainha do Mar 2015

Estrelas da natação mundial vão representar Brasil, Estados Unidos, África do Sul, Itália e Alemanha no Desafio Elite Rei e Rainha do Mar 2015, que acontece no dia 13 de dezembro, na Praia de Copacabana, Zona Sul do Rio de Janeiro. O Brasil, que venceu a edição 2014 com Allan do Carmo e Ana Marcela Cunha, terá duas duplas competindo esse ano. O soteropolitano Allan do Carmo, agora com a paulista Poliana Okimoto, tentará manter o título no país, que também será representado pelos gaúchos Samuel de Bona e Betina Lorscheitter.  

A briga pelo título promete ser acirrada, com o pódio decidido nos mínimos detalhes. A lista de participantes trás atletas com conquistas consideráveis no currículo. Os americanos apostam na dupla Chip Peterson e Christine Jennings. Já os sul-africanos contam com a força de Chad Ho e Michelle Weber. Os italianos torcem por Matteo Furlan e Alice Franco, enquanto os alemães depositam suas esperanças em Christian Reichert e Angela Maurer.  

“Estou animado por fazer parte do evento este ano”, afirma Chip Peterson, que tem ótimas lembranças do Rio de Janeiro. O atleta esteve na Cidade Maravilhosa em 2007, quando faturou uma medalha de ouro na prova de 1500 metros livre dos Jogos Pan-Americanos.  

Chad Ho, da África do Sul, promete dar muito trabalho aos rivais. Ele é considerado um dos nadadores mais rápidos do mundo quando o assunto é competição em mar aberto. Prova disso é que foi ele o campeão da maratona aquática de 5km do Mundial da modalidade disputado este ano, em Kazan, na Rússia. Detalhe: Chad estava sem patrocínio e viajou através de um crowndfunding que promoveu.  

Quem também esteve na Rússia foi Angela Maurer, da Alemenha. Apesar de ser mais experiente que os demais competidores do Desafio Elite Rei e Rainha do Mar – ela está com 40 anos – Maurer mostrou em Kazan que ainda tem muita disposição e força. A atleta conquistou a medalha de bronze na prova de 25km do Mundial. 

ITALIANO QUER NOVA VITÓRIA

O italiano Matteo Furlan, que forma dupla com Alice Franco no Desafio Elite, disputou e venceu a prova Challenge do Circuito Nacional Rei e Rainha do Mar de Fortaleza, realizado no dia 22 de novembro na capital cearense. Apesar do formato da prova ser totalmente diferente do desafio que vai agitar a Praia de Copacabana no dia 13 de dezembro, Matteo está confiante e animado para sair vitorioso das águas cariocas.  

“A prova de Fortaleza foi muito boa, consegui ganhar com uma boa margem. No Rio será outra prova, mais rápida. Então não será fácil repetir o resultado. Mas de qualquer jeito farei o meu melhor pra ganhar, pois nas últimas semanas treinei bem e estou muito confiante. Quanto aos adversários, estou feliz de nadar com eles porque é motivador ter adversários tão fortes. Acho que vai ser uma prova legal e uma oportunidade pra evoluir”, aposta o nadador de 26 anos, que ressalta ainda a qualidade de sua parceira.  

“Acredito que a Alice vai fazer o melhor dela. Ela é guerreira e não vai decepcionar as expectativas. Então seremos uma dupla muito competitiva”, completa. 

A HORA DE BETINA?

Se existe alguém que conhece bem o Rei e Rainha do Mar, esse alguém é Betina Lorscheitter. A gaúcha, de 25 anos, nadou diversas etapas do Circuito Nacional e agora vai para a sua terceira participação no Desafio Elite, disposta a mudar o seu  histórico no evento. Em 2014, nadando com Samuel de Bona, ela conseguiu a terceira colocação. Nos dois anos anteriores, 2013 e 2012, quando a prova ainda era realizada no formato individual, Betina também ficou com a terceira posição. No dia 13 a atleta espera estar no lugar mais alto do pódio.  

“Será uma prova com grandes adversários, e conquistar o troféu de Rainha do Mar seria um ótimo resultado. Farei o meu melhor, quero muito vencer esse Desafio Elite”, diz Betina, que revela o que, para ela, será uma vantagem na disputa.  

“Nós (ela e Samuel de Bona) treinamos juntos todos os dias e já competimos essa prova juntos ano passado. Acho que o nosso entrosamento é uma vantagem”, finaliza. 

Mais informações: www.reierainhadomar.com.br

Italianos vencem a principal prova do Circuito Nacional Rei e Rainha do Mar, em Fortaleza, neste domingo

A etapa de Fortaleza do Circuito Nacional Rei e Rainha do Mar aconteceu neste domingo, 22 de novembro, no Aterro de Iracema, em um belo dia de sol típico do verão nordestino. O maior festival de esportes de praia do Brasil reuniu cerca de 1.500 atletas na capital cearense, que se dividiram em competições de natação no mar, corrida, biathlon e stand up paddle. A principal prova do evento foi vencida pela italiana Rachele Bruni, que confirmou a sua excelente fase e o seu favoritismo ao faturar a Challenge, disputa de natação com percurso de 4km. A atleta de elite, que já está classificada para os Jogos Olímpicos Rio 2016, deixou para trás as brasileiras Betina Lorscheitter, 2ª colocada, e Catarina Ganzeli, a 3ª.

 

“Gostei muito da prova, do lugar e da organização. A competição aqui me serviu como um bom treino, pois vou precisar da experiência de nadar no mar por causa das Olimpíadas do Rio. E aqui teve correnteza e onda, tudo o que ajuda no meu objetivo principal (Jogos), que é daqui a alguns meses”, comentou Rachele, que completou o percurso em 47 minutos.

 

Betina, a vencedora da etapa anterior, realizada em Florianópolis (SC), cruzou a linha de chegada pouco menos de 1 minuto após a campeã Rachele Bruni. Apesar de não ter concluído a prova na primeira colocação, Lorscheitter ficou satisfeita com o seu desempenho e reconheceu os méritos da rival europeia.

 

“Foi uma prova bem dura por causa do vento e da água quente. O vento deixa o mar muito mexido e acaba ficando difícil de visualizar as boias. E a água um pouco mais quente não ajuda tanto no esforço. Mas não foi nada do que a gente não tenha passado antes. Mas eu gostei bastante de Fortaleza. A praia e o dia estão lindos, fez sol e tudo colaborou. Gostei bastante da minha prova e quero parabenizar a italiana, que nadou melhor”, disse a gaúcha Betina ao fechar a prova com o tempo de 47 minutos e 51 segundos, ficando à frente da paulista Catarina Ganzeli, que completou o desafio em 50 minutos e 13 segundos.

 

Entre os homens, o também italiano Matteo Furlan levou a melhor. O atleta estrangeiro travou um bom duelo com o brasileiro Luis Rogério Arapiraca, que não venceu por pouco. Furlan terminou a prova com o tempo de 45 minutos e 01 segundo, contra 45 minutos e 10 segundos do baiano Arapiraca. O argentino Guilhermo Bertolo fechou o percurso em 46 minutos e 49 segundos e ficou com a terceira colocação.

 

“Gostei muito da prova e não vejo a hora voltar para o Brasil e ir para o Rio de Janeiro disputar a próxima etapa”, afirmou o Matteo, que está confirmado no time da Itália para o Desafio Elite Rei e Rainha do Mar, competição que acontece no dia 13 de dezembro, reunindo grandes nomes nacionais e internacionais das maratonas aquáticas.

 

Os vencedores da Challenge masculina receberem seus troféus das mãos da medalhista olímpica cearense Shelda, que, com Adriana Behar, foi prata no vôlei de praia nos Jogos de Sydney (2000) e Atenas (2004).  

 

DOMINGO DE FESTA EM FORTALEZA

O domingo esportivo no Aterro de Iracema começou com a Beach Run, prova de 5km de corrida na areia. O pódio feminino dessa disputa foi carinhosamente chamado de Três Marias, pelo fato de ter sido formado por Maria do Socorro Lima (1ª), Maria das Graças Barbosa (2ª) e Maria Elizania Sousa (3ª). No masculino, Daniel Carneiro dos Santos deixou para trás Dicson Falcão e João Célio Gomes, segundo e terceiro colocados, respectivamente, para se sagrar campeão da prova. Já o Beach Biathlon, modalidade que conta com 1km de natação e 2,5km de corrida, teve o pódio da prova masculina formado por Wesley Rebouças Matos, João Martins Galvão e Breno Fernandes Martins. O pódio feminino teve Daiane Sousa Mateus ocupando o lugar mais alto, seguida de Michelle de Borba Maia e Lara Frota Farias. 

 

Na Classic, prova com 2km de natação, o atleta de elite argentino Guilhermo Bertolo, foi melhor e não deu chances aos brasileiros Caique Escobar e Wesley Matos. Caique foi segundo colocado e Wesley, o terceiro. O feminino teve Sabrine Araújo na primeira colocação, com Rafaela Matos e Renata Garbes completando o pódio.

 

A Sprint, desafio de natação no mar com percurso de 1km, teve como grande campeão o atleta Caique Escobar. Luiz Lima ficou com o segundo lugar, enquanto Wesley Rebouças Matos ficou com a terceira posição. Rochelle da Silva levou a melhor entre as mulheres, superando Carmelita Sousa (2ª) e Elizabeth Lima de Souza (3ª). 

 

SUP

As últimas disputas do dia foram as de stand up paddle. Na prova de 4km, Ana Carolina Barcellos e Cícero Justino faturaram o primeiro lugar. Jocilene Rubes e Deise Cunha ficaram em segundo e terceiro lugar, respectivamente, enquanto no masculino Paulo Porto ficou com a segunda colocação, seguido de Laercio Rodrigues. Na prova de 8km, Gabriel Corezzi foi mais veloz e venceu. Paulo Vasco foi o segundo e Luiz Fiuza Vieira ficou com a terceira posição. Regina da Silva não teve adversárias na prova feminina de 8km e ficou com o título da categoria em Fortaleza.

 

A etapa de Fortaleza, primeira do Circuito Nacional Rei e Rainha do Mar realizada no Nordeste, contou com cerca de 1.500 participantes em sete provas de quatro modalidades. Ao todo, o evento reuniu inscritos de diversos estados brasileiros e de países como Itália e Argentina. Agora o Circuito volta ao Rio de Janeiro para a realização da última etapa da temporada 2015, que será realizada no dia 12 de dezembro, em Copacabana. As inscrições já estão abertas no site do evento: http://www.reierainhadomar.com.br.

CIRCUITO LIGHT ​REI E RAINHA DO MAR ESTÁ COM INSCRIÇÕES ABERTAS PARA A ETAPA QUE ACONTECE EM DEZEMBRO NO RIO

As inscrições para a terceira e última etapa do Circuito Light Rei e Rainha do Mar 2015 já estão abertas. O evento que fecha a atual temporada do maior festival de esportes na praia do Brasil e abre o verão carioca, acontecerá em Copacabana, Zona Sul do Rio de Janeiro, no dia 12 de dezembro, um dia antes do Desafio Elite, que reunirá grandes nomes das maratonas aquáticas do Brasil e do mundo. As disputas também vão servir como “aquecimento” para os Jogos do Rio, em 2016, que terá a prova olímpica de Maratona Aquática no mesmo palco que será realizado o Rei e Rainha do Mar. As inscrições podem ser feitas através do site reierainhadomar.com.br.

 

O evento conta com provas de natação em águas abertas, corrida na areia, biathlon e stand up paddle. Os nadadores podem escolher entre as provas Sprint (1 km), Classic (2 km) e Challenge (4 km), enquanto os corredores têm como desafio a Beach Run (5 km). E para quem deseja unir as duas modalidades, a dica é o Beach Biathlon, prova que 1 km de natação no mar e mais 2,5 km de corrida na areia. Já os praticantes do stand up paddle, esporte que é a nova sensação mundial, podem escolher provas com distâncias diferentes para competir. As disputas do SUP no Rei e Rainha do Mar, que ainda terão suas inscrições abertas, vão reunir atletas de elite e também vão encerrar o campeonato brasileiro da modalidade. Ao todo, são esperados mais de 3.500 mil atletas na Praia de Copacabana, numa festa que marca um ano muito especial para o evento.

 

“Este ano foi mesmo especial para o Rei e Rainha do Mar, que também saiu do Rio para outros estados brasileiros. O evento aconteceu em Florianópolis, e está prestes a acontecer em Fortaleza. No ano que vem, estão previstas etapas em São Paulo e na Bahia. Toda a equipe está muito feliz por este feito! Estamos tendo um retorno muito positivo dos atletas que viajaram conosco”, comenta o Pedro Rego Monteiro, diretor da Effect Sport, empresa que organiza o Rei e Rainha do Mar.

 

As etapas do Circuito Rei e Rainha do Mar no Rio de Janeiro contam com o patrocínio da Light e da Piraquê. As etapas do Circuito Nacional, realizadas em Florianópolis e Fortaleza, contam com patrocínio da Lei Federal de Incentivo ao Esporte e do Premmia, programa de fidelidade dos postos Petrobras, além do apoio das prefeituras locais.

 

As inscrições podem ser feitas pelo site reierainhadomar.com.br. Os valores estão divididos por modalidades e lotes. Para participar, a idade mínima é de 14 anos completos até o dia 31 de dezembro de 2015. 

 

AINDA RESTAM VAGAS PARA A ETAPA DE FORTALEZA

A etapa de Fortaleza (CE) do Rei e Rainha do Mar, que acontece no próximo dia 22 de novembro, ainda tem inscrições abertas para as provas de natação e stand up paddle. Os interessados em participar do evento, que será realizado no Aterro de Iracema, têm até o dia 18 de novembro para garantir participação nas disputas no Nordeste. A Beach Run e a Beach Biathlon estão com vagas esgotadas para esta etapa.  Participantes que se inscreverem através dos pontos e resgates do programa Petrobras Premmia conseguem se inscrever nessas duas provas. Inscrições e informações no site reierainhadomar.com.br

Betina Lorscheitter e Victor Colonese vencem a principal prova do Circuito Rei e Rainha do Mar em Florianópolis neste domingo

Florianópolis recebeu neste domingo a primeira etapa do Circuito Rei e Rainha do Mar realizada fora do Rio de Janeiro, em um dia em que o sol deu o ar da graça após uma semana de fortes chuvas em Santa Catarina. Jurerê Internacional estava com mar calmo e temperatura na casa dos 22º C. O clima nas areias da praia foi de festa, principalmente para a porto-alegrense Betina Lorscheitter e para o soteropolitano Victor Colonese, que sagraram-se campeões da Challenge, desafio com 4 km de natação no mar do maior festival de praias do Brasil. Betina venceu a prova feminina concluindo o percurso com o tempo de 40min05seg, ficando à frente da campinense Catarina Ganzeli, que ficou em segundo lugar com o tempo de 42min42seg, e da espanhola Esther Nuñez, que fez o terceiro melhor tempo, 44min14seg.

 

“Fiquei muito feliz com o meu resultado. Era o meu objetivo. A prova foi excelente e gostei muito de ter participado. Sempre gosto de competir o Rei e Rainha do Mar, pois é um evento muito bem organizado, além do clima e da boa energia da competição. Estou feliz de estar no primeiro evento fora do Rio e pretendo estar em Fortaleza no mês que vem”, disse a campeã Betina.

 

Na acirrada disputa da prova masculina, o baiano Victor Colonese cruzou a linha de chegada cravando o tempo de 40min, contra 40min03seg do italiano Dario Verani, segundo colocado. O gaúcho Samuel de Bona ficou com a terceira colocação, chegando apenas 2 segundos após Verani.

 

“A organização foi impecável, é o melhor evento que tem hoje no país. Muito feliz de ver o Rei e Rainha em Jurerê. E que levem para mais lugares. Espero estar presente na próxima etapa, em Fortaleza, e na etapa do final do ano, no Rio de Janeiro. Fiquei muito contente com o meu resultado aqui”, comenta Colonese.

 

No Beach Biathlon, modalidade com 1 km de natação e 2,5 km de corrida, o pódio masculino foi formado por Matheus Ghiggi (primeiro lugar), Nathan Santos (segundo lugar) e André Nogueira (terceiro lugar). Já o feminino foi composto por Priscila Rocha (primeiro lugar), Gisele Bertucci (segundo lugar) e Mariana Andrade (terceiro lugar). A Beach Run, prova com 5 km de corrida na areia, foi vencida por Laurindo Nunes Neto e Simone Ferraz. Israel Thiago e Elson Graciolli ficaram com a segunda e a terceira colocação, respectivamente, no masculino; enquanto Silvia Durigon e Vitoria Maciel completaram o pódio feminino.

 

Na modalidade Classic (2 km de natação), o pódio masculino foi formado por Mauro Fernandes, Luiz Lima e Caique Rekena. O feminino foi preenchido por Jenifer Arnold, Josiane de Almeida e Maria Cristina Sigwalt.

 

As últimas disputados do dia foram as de stand up paddle. E a ausência de vento em Jurerê ajudou os atletas. A prova masculina de 4 km foi vencida por Ronison Amaral. Marcelo Santos e Sidney Simon ficaram em segundo e terceiro lugar, respectivamente. Entre as mulheres Elaine Maurer levou a melhor. Evelise Gonçalves foi a segunda colocada e Kely Frandolese a terceira. No percurso de 8 km do SUP, Antonio Gonzaga confirmou o favoritismo e ficou com a vitória. Murilo Carione e Rabril Hagnayer completaram o pódio. O pódio feminino dos 8 km foi formado por Marilene Silva, Mora Prado e Isabel Gonçalves.

 

A etapa de Florianópolis do Circuito Rei e Rainha do Mar contou com mais de 1.500 participantes em sete provas de seis modalidades. Ao todo, o evento reuniu inscritos de 11 estados brasileiros e de países como Chile, Argentina, Estados Unidos, Itália e Espanha. A próxima parada do Rei e Rainha será na Praia de Iracema, em Fortaleza (CE), no dia 22 de novembro de 2015. As inscrições já estão abertas no site do evento: http://reierainhadomar.com.br. A etapa que encerra o Circuito já está confirmada e acontece em 12 (amadores) e 13 (Desafio Elite) de dezembro, no Rio de Janeiro.

Poliana Okimoto e Victor Colonese vencem principal prova do Rei e Rainha do Mar

A praia de Copacabana, onde acontecerá as provas de maratona aquática nas olimpíadas do ano que vem recebeu pela segunda vez no ano mais uma etapa do Circuito Rei e Rainha do Mar e contou com nomes da elite mundial da natação em águas abertas. Eles não decepcionaram e faturaram o Challenge, prova de 3,5k com largada no Leme e chegada no posto 6 com Poliana Okimoto e Victor Colonese em primeiro lugar. Os participantes tiveram uma água com temperatura de 21c e mar limpo e calmo, o que ajudou bastante.

Pelo feminino, Poliana saiu com alguma folga da água e veio correndo devagar superando Betina Lorscheitter e Catarina Ganzelli que chegaram poucos segundos depois.

“Sempre é bom poder vir treinar/competir aqui em Copacabana onde o mar está sempre diferente para não ser pega de surpresa na hora das olimpíadas. No começo ali no Leme, estava na adrenalina e estava com medo de furar o mar, mas depois que passei foi tranquilo. Eu consegui fazer uma boa prova no mar e não precisei sair desesperada da água que se tivesse que correr, poderia me complicar” – Conta Poliana sobre sua vitória.

Já no masculino, o baiano Victor Colonese pela primeira vez nas águas de Copacabana e representou o Brasil no mundial da Kazan venceu a disputa sobre Arthur Afonso Pereira e Luiz Felipe Freire.

Victor Colonese cruza a linha em primeiro lugar. Crédito: Ricardo Dungó/Esportes de A à Z

Victor Colonese cruza a linha em primeiro lugar. Crédito: Ricardo Dungó/Esportes de A à Z

 

“Foi uma prova impecável com ótima organização. Sempre quis participar por causa dos comentários que tinha dela e quero poder voltar aqui em breve. A água estava muito boa e muito melhor que muito lugar que competimos por aí e ainda com um visual desses para completar, não tem nada melhor” – Diz Victor sobre sua participação.

Fora o Challenge, o Rei e Rainha do Mar começou bem cedo com o Beach Run às 7h onde os participantes deram duas voltas na areia e seguiu com o Sprint (1km no mar), Beach Biathlon (1k ne natação e 2,5k de corrida), Classic (2km) e terminou com duas provas de SUP Race.

Junto com as competições, o ultramaratonista Marcio Villar, detentor do recorde mundial de correr 7 dias numa esteira, feito realizado em julho desse ano, percorreu 100 km na areia para pagar duas cirurgias a crianças do hospital Pro Criança Cardíaca. Na última etapa em dezembro, Marcio pretende dobrar o desafio e correr 200 km para bancar mais cirurgias.  

Atletas ao mar na Classic, 2km de natação. Crédito: Ricardo Dungó/Esportes de A à Z

 Atletas ao mar na Classic, 2km de natação. Crédito: Ricardo Dungó/Esportes de A à Z

 

RESULTADOS – CIRCUITO LIGHT REI E RAINHA DO MAR

 

Challenge - 3,5k de natação no mar

Masculino:

1 – Victor Colonese – 00:35:38

2 – Arthur Afonso Pereira – 00:35:43

3 – Luiz Felipe Freire – 00:35:46

Feminino

1 – Poliana Okimoto – 00:37:40

2 – Betina Lorscheitter – 00:37:45

3 – Catarina Ganzelli – 00:37:49

 

Beach Run - 5k de corrida

Masculino:

1 – Adair José dos Santos – 00:16:49

2 – Lucas Wenderroscki – 00:16:58

3 – Fabiano Moura dos santos – 00:17:57

Feminino:

1 – Beatriz Oliveira Dantas – 00:21:57

2 – Mariane Trindade de Souza – 00:22:50

3 – Renata Cavalleiro – 00:22:51

 

Beach Biathlon - 1k de natação e 2,5k de corrida

Masculino:

1 – Eduardo Gonzalez – 00:19:51

2 – Antonio Ferraz Bravo Neto – 00:20:00

3 – Pedro Silva Nunes Moreira – 00:21:09

Feminino:

1 – Renata Silva Nunes Moreira – 00:26:00

2 – Liliane Ferreira Meirekes – 00:27:17

3 – Livia Caroline da Silva – 00:27:40

 

Sprint - 1k de natação

Masculino:

1 – Pedro Henrique Costa – 00:10:14

2 – Lucas Siqueira Gomes – 00:10:19

3 – Daniel Costa Cunha – 00:10:31

Feminino:

1 – Betina Lorscheitter – 00:10:32

2 – Thais Fernandes Santana – 00:11:00

3 – Beatriz Soares Puciarelli – 00:11:25

 

Classic - 2k de natação

Masculino:

1 – Francisco Augusto de Paula – 00:15:21

2 – Thiago da Silva – 00:16:06

3 – Bruno Costa do Nascimento – 00:16:10

Feminino:

1 – Isabela Talita Pessoa Holz – 00:24:39

2 – Flavia Marques de Barros – 00:24:59

3 – Marcia Valeria Cossatis – 00:25:55

 

SUP Race - 2k

Masculino:

1 - Vitor Soares Salles - 00:13:51 

2 - Danilo Zambon Gallina - 00:13:59

3 - Paulo Oberlander - 00:14:40

Feminino:

1 - Iasmin Moraes Nogueira - 00:14:39

2 - Diana Geyer de Rezende - 00:19:19

3 - Amanda Oliveira - 00:20:09

 

SUP Race - 6k Race Amador

Masculino:

1 - Luiz Claudio Castilo - 00:46:29

2 - Styve Patrick Santos - 00:48:02

3 - Mauro Fernandes Dutra - 00:48:08

Feminino:

1 - Iasmin Moraes Nogueira - 00:51:54

2 - Renata do Valle Nogueira - 00:56:11

3 - Helena Gentil Barreto - 01:01:00

 

SUP Race - 6k Fun Race

Masculino:

1 - Andre Alexandre Rosa - 00:47:14

2 - Lucas Filgueiras Freitas - 00:47:41

3 - Jorge Eduardo Mesquita - 00:47:42

Feminino:

1 - Liliane Siqueira de Paiva - 00:57:54

2 - Karine Aragão - 00:58:03

3 - Danielle Gregory - 00:59:00

 

SUP Race - 12k

Masculino - Race 14

1 - Itamar Silveira do Carmo - 01:28:28 

2 - André Luiz Vaz - 01:48:08

3 - Renato Orlando Costa - 01:57:02

Masculino - Unlimited

1 - Mauricio Thompson - 01:25:56

2 - Frederico Vidigal Diniz - 01:53:14

 

Assinar este feed RSS