Atletas do Raia Rápida participam de clínica social e treinam na piscina do Maria Lenk

Desafio será neste domingo a partir das 10h. Crédito: Satiro Sodré

 

Foi dada a largada para o Desafio Raia Rápida 2017. Na manhã desta sexta-feira, dia 13, as equipes do Brasil, Argentina, Itália e Estados Unidos fizeram o primeiro treino na piscina do Parque Aquático Maria Lenk e ainda participaram de uma clínica com mais de 130 crianças dos projetos sociais da Baixada Fluminense, Bonsucesso, Costa Verde e Região dos Lagos. A interação aconteceu de forma teórica e prática.  

Após uma conversa no auditório com os grandes campeões Anthony Ervin, Bruno Fratus e Chuck Katis, as crianças puderam nadar, fazer perguntas e ouvir alguns ensinamentos do trio João Gomes Jr., Etiene Medeiros e Daynara de Paula. O Desafio Raia Rápida acontece neste domingo, dia 15 de outubro, com disputas emocionantes, individuais e por equipe, em provas de 50m. O evento conta com entrada gratuita e os portões serão abertos às 8h

“Foi uma manhã muito especial com as crianças. Tenho certeza que teremos uma grande competição no domingo. Serão provas rápidas, com ótimos nadadores e um formato muito empolgante. Teremos um evento muito especial com boas disputas”, declara o bicampeão olímpico, Anthony Ervin.

A ação reuniu os pequenos atletas do Centro Educacional Olga Benário Prestes, de Bonsucesso, do Colégio Colégio Estadual Artur Vargas, de Angra dos Reis, Golfinhos da Baixada e Projeto Monike Azevedo, da Região dos Lagos. João Gomes Júnior, medalha de prata no Mundial de Budapeste, ficou orgulhoso com a chance de ensinar a garotada na piscina do Maria Lenk. 

Esse tipo de ação é muito importante. Para eles é muito legal estar perto dos ídolos, das pessoas que eles assistem na televisão, mas acho que para mim é mais importante ainda. Sinto que estou deixando um legado para o esporte. É muito bom poder ajudar e ver essa criançada na água. Eles precisam saber que a natação é uma opção. Tenho certeza que com o esporte serão pessoas melhores. Foi um dia foi incrível, tão importante quanto domingo”, disse João Júnior, que apesar do clima festivo e de solidariedade, manteve a seriedade quando o assunto foi o Desafio deste domingo. 

Domingo é dia de bater na frente. A gente quer ganhar de novo. Estamos muito animados para empenhar um resultado positivo. É um formato muito diferente, divertido, mas é para valer. E a gente quer sair daqui no domingo com o primeiro lugar”, finaliza. 

A equipe verde e amarela, atual tricampeã do Desafio Raia Rápida, é formada por Etiene Mederios, Bruno Fratus, Daynara de Paula e João Gomes Jr.  No último Mundial de natação, João Júnior foi prata nos 50m peito. Etiene conquistou a medalha de ouro nos 50m costas, Bruno Fratus foi prata nos 50m livre e no revezamento 4x100m. Os resultados credenciam o time brasileiro ao lugar mais alto do pódio no Raia.  Além do time canarinho, EUA, Italia e Argentina garantirão muita emoção e disputas braçada a braçada.  A equipe americana trará Anthony Ervin (livre), bicampeão olímpico nos 50m livres. Já o destaque entre os hermanos é Federico Grabich (livre), um dos melhores atletas da história da natação argentina. Outro forte atleta é o italiano Fabio Scozzolli (peito).  

Foi uma experiência inesquecível. Não sei algum dia na minha vida eu vou ter essa chance novamente. Estar pertinho desses nadadores tão incríveis e tão importantes para a natação do mundo inteiro. Fiquei do lado do Bruno Fratus, consegui tirar fotos com todos eles. Além de ter nadado em uma piscina tão importante, realmente foi muito emocionante”, empolga-se Wesley Souza – Projeto CEAV Angra dos Reis

 

Formato da competição:

Cada país será representado por quatro atletas, que competirão em provas individuais e de revezamento, sempre nadando no seu melhor estilo (borboleta, costas, peito e livre). Os atletas disputam provas eliminatórias sempre na distância de 50m. Os últimos colocados de cada prova são eliminados da série seguinte, até que restem apenas dois nadadores para a final de cada modalidade.  Logo depois, os nadadores voltam à piscina para a segunda fase do desafio com um empolgante revezamento 4x50m medley.  A equipe com maior pontuação nas duas fases será a grande campeã.

 

Equipe Brasil:

Etiene Medeiros - costas

Daynara de Paula - borboleta

João Junior - peito

Bruno Fratus – livre

 

Equipe Itália:

Elena Gemo – costas

Elena Di Liddo - borboleta

Fabio Scozzoli - peito

Lorenzo Benatti – livre

 

Equipe Estados Unidos:

Hellen Moffitt - costas

Kendyl Stewart - borboleta

Chuck Katis - peito

Anthony Ervin – livre

 

Equipe Argentina:

Andrea Berrino - costas

María Belén Díaz - borboleta

Facundo Miguelena - peito

Federico Grabich – livre