CAIXA IRONMAN 70.3 Rio de Janeiro será a atração no Pontal

CAIXA IRONMAN 70.3 Rio de Janeiro será a atração no Pontal A praia do Recreio recebe mais uma vez o Ironman. Crédito: Bruno Lopes/BNLPhotopress/EAZ

A série de provas do Circuito IRONMAM no Brasil terá sequência neste domingo, dia 30 de setembro, no Rio de Janeiro. O CAIXA IRONMAN 70.3 Rio de Janeiro acontecerá no Recreio do Bandeirantes, no Praia do Pontal, reunindo 1600 atletas de 30 países para os 1,9 km de natação, 90,1 km de ciclismo e 21.1 km de corrida. Atletas da Elite e da Faixa Etária participarão da prova, com largada, em ondas, a partir das 6h30.

Os triatletas buscarão uma das 30 vagas na Faixa Etária para o Mundial de IRONMAN 70.3 em 2019, que será realizado em Nice, França. Para os profissionais, além da premiação de US$ 25 mil, a novidade é que a prova também vale vaga no mundial, sendo uma no masculino e uma no feminino para os melhores colocados.

O CAIXA IRONMAN 70.3 Rio de Janeiro, uma das provas mais belas e técnicas do calendário, completará sua quarta edição. Com crescimento significativo a cada ano, a etapa ainda consegue encerrar suas inscrições bem antes do prazo estipulado. Trata-se do reconhecimento da comunidade do esporte com toda a excelência do evento.

Nesse período, os brasileiros dominaram a Elite e não deram chance aos estrangeiros. Os triatletas nacionais serão, mais uma vez, favoritos na quarta edição da etapa carioca. Entre os homens, tanto Santiago, vencedor em 2015, Colucci, em 2016, e Paulo Roberto, no ano passado, são experientes, com diversas conquistas e estão em condições de repetir o feito e garantir a manutenção da hegemonia nacional no evento. Pamella, por sua vez, vem de um quarto lugar no Mundial de IRONMAN 70.3 deste ano, na África do Sul, o que ratificou seu bom momento.

Estrangeiros

No feminino, o destaque será a norte-americana Lauren Goss. A triatleta venceu importantes provas do últimos anos, como o IRONMAN 70.3 Cartagena e Equador, ambos em 2016, e o IRONMAN 70.3 Costa Rica, nesta temporada, sem contar os vários pódios obtidos ao longo da carreira. Já a argentina Romina Palácio foi a vice-campeã no ano passado e tem tudo para repetir o bom desempenho.

Entre os homens, um dos destaques é o francês Kevin Portmann, campeão em 2016 do IRONMAN 70.3 St. George e IRONMAN 70.3 Coeur d´Alene. Além dele, outras atrações são nomes fortes da América do Sul, como o argentino Gastón Duran, o uruguaio Juan Manuel Lauro, e o chileno Roberto Cabrera.

Revezamento de estrelas

O evento contará ainda a presença de três lendas do esporte e que tiveram papel fundamental no fortalecimento do triatlo e do próprio IRONMAN no Brasil. Fernanda Keller, seis vezes medalha de bronze no Havaí, Carlos Dolabella, primeiro atleta nacional a participar do mundial, e Armando Barcellos, detentor de diversos títulos no esporte, formarão um time dos sonhos no revezamento.