fbpx

Brasil para diante do gigante iraniano e irá disputar o bronze

Megrzad de 2,48m foi o destaque da vitória do Irã sobre o Brasil. Crédito: Bruno Lopes/Esportes de A à Z

Depois de uma ótima campanha na fase de grupos, o Brasil parou diante do Irã no vôlei sentado no Pavilhão 6 do Rio Centro,  perdendo por 3 a 0 e irá disputar a medalha de bronze. O grande destaque foi o atacante iraniano de 2,45m Megrzad que foi o grande pontuador do jogo.

“Conseguimos arrumar um jeito diferente de bloquear o gigante, mas não foi suficiente para derrotá-los. Até quatro anos atrás ninguém sabia o que era o vôlei sentado até nosso segundo lugar no mundial e agora com casa cheia, pudemos fazer nosso melhor vindo pela primeira vez numa semifinal e iremos disputar o bronze com muito empenho” – Conta Anderson, maior pontuador do Brasil depois da derrota.

No primeiro set, um jogo bem equilibrado, mas o time do Irã conseguiu dar uma escapada no final e acabou fechando em 25 a 20, abrindo 1 a 0 no placar.

Já no segundo, os iranianos saíram atropelando o time brasileiro abrindo 10 a 1 no placar. Mas Anderson chamou a responsabilidade para si e o time do Brasil começou a encostar, diminuindo para cinco pontos de diferença com o placar em 15 a 10. O jogo se tornou mais equilibrado e sempre que podia, o Brasil ia diminuindo a vantagem que chegou a ficar em 3 pontos no 19 a 16. Mas o Irã acordou e começou a pontuar direto e fecharam o set em 25 a 19 e botando 2 a 0 no jogo.

O Brasil começou até bem no terceiro set e abrindo 2 a 0 no placar. Mas o Irã recuperou a vantagem e só se deu o trabalho de ir avante no placar e abrir uma vantagem que ficasse difícil a recuperação do time do Brasil. Ao final, ganharam por 25 a 17 com 3 a 0 no placar

Na decisão pela medalha de bronze, o Brasil encara o Egito em partida que será domingo de manhã.