Wild se esforçou, mas não passou por Coric

Thiem venceu mais uma vez no terceiro set e brasileiros chegam nas semifinais das duplas

Crédito: Bruno Neves Lopes/EAZ

A torcida fez a sua parte e lotou a quadra central para apoiar Thiago Wild, único brasileiro na chave de simples do Rio Open contra o número 32 do ranking da ATP Borna Coric. Mas a vitória escapou nos momentos finais e ele perdeu a partida por 2 sets a 1 com parciais de 6/3, 1/6 e 7/6 e deu adeus ao Rio Open.

Assim como na primeira partida, Wild mostrou que é um talento que poderá dar futuro a torcida brasileira no futuro. Ele jogou de igual para igual pelo segundo jogo seguido com um atleta muito melhor ranqueado que ele e por muitos momentos, foi superior. Soube aproveitar a oscilação do adversário no segundo set e proporcionou bons momentos em quadra.

“Fiz uma boa partida e é difícil jogar com um cara que tem um jogo sólido. Ele soube jogar bem nas bolas decisivas e ai a experiência dele fez toda a diferença. Tanto que se for ver as estatísticas, fui até melhor, mas não é isso que faz uma vitória. Saio feliz daqui do Rio Open com o meu desempenho”. – Comentou Wild após a derrota.

Já Coric, elogiou o desempenho do brasileiro na partida de hoje.

“Quando vi o Thiago jogar a partida de segunda, percebi o quanto ele seria um adversário bem duro e demostrou em quadra o potencial que ele tem. Ele bate firme na bola e tem tudo para ser um excelente jogador no circuito. Hoje ainda tinha a torcida do lado dele e tive cabeça para vencer.” – Disse.

Dominic Thiem sofre diante de Munar e vence

Crédito: Bruno Neves Lopes/EAZ

Na partida que fechou as partidas na quadra central, o austriaco Dominic Thiem venceu contra o espanhol Jaume Munar por 2 sets a 1 com parciais de 6/7, 6/3 e 6/4 e avançou na competição em mais uma partida que oscilou bastante diante de um adversário melhor qualificado.

Na partida de amanha, Thiem terão pela frente o italiano Gianluca Mager que venceu o português João Domingues por 2 sets a 0 com parciais de 6/3 e 7/6.

Marcelo Melo, Thiago Monteiro e Felipe Meligeni seguem representando o Brasil nas duplas

Marcelo Melo avançou para as semifinais. Crédito: Bruno Neves Lopes/EAZ

Jogando com Lucasz Kubot, Marcelo Melo venceu sua partida contra a dupla Jebavy e Zelenay por 2 sets a 0 com parciais de 6/4 e 6/3 e estão na semifinal do Rio Open.

“Hoje conseguimos ser mais consistentes no jogo e fizemos nos dois sets o que fizemos em apenas um na primeira partida do torneio. Ter chegado antes aqui ajudou, mas depois de uma estreia, pudemos relaxar e fizemos nosso melhor.” – Disse Marcelo após a vitória.

Tinha tudo para termos uma semifinal brasileira contra Bruno Soares e Mate Pavic que entraram em quadra após a vitória de Marcelo e acabaram perdendo para os italianos Gaio e Caruso por 2 sets a 1 com parciais de 4/6, 6/4 e 10/4 e deram adeus a competição.

Pavic e Bruno foram eliminados. Crédito: Bruno Neves Lopes/EAZ

“Ontem até conseguimos jogar bem, mas nossa energia baixou muito na partida de hoje e tivemos dificuldade de jogar. Até tivemos um volume maior que os italianos e poderiamos ter vencido o primeiro set, mas a vitória escapou e fomos derrotados. Agora vou torcer para os brasileiros e quem sabe alguma das duplas chegar até a final e vencer” – Comentou Bruno após a derrota.

Pelo outro lado da chave no confronto caseiro, Thiago Monteiro junto com Felipe Meligeni derrotaram Orlando Luz e Rafael matos por 2 sets a 0 com parciais de 6/3 e 7/6 e seguem vivos na competição. E terão pela frente o espanhol Marcel Granolless e o argentino Horácio Zeballos que venceram Máximo Gonzales e Frabrice Martin por 2 sets a 1. As partidas das semifinais serão disputadas amanhã.

Rio Open tem partida inesperada nesta sexta

Seguindo a série de consagrar jogadores não muito conhecidos no ranking, as quartas de final reservam um confronto bem diferente. Attila Balazs da Hungria número 106 do mundo que entrou como lucky loser e Pedro Martines da Espanha, número 133, vindo do qualifyng farão a última partida do dia prometendo um confronto diferente do que muitos esperavam.

Avatar

dungo

Jornalista, corredor e admirador da cidade maravilhosa

E o que achou sobre esse assunto? Contribua com o Esportes de A à Z! Basta preencher o comentário abaixo.

%d blogueiros gostam disto: