Berretini vence Thiago Monteiro em partida interrompida pela chuva

Crédito: Bruno Neves Lopes/EAZ

A partida entre Thiago Monteiro e Matteu Berretini que começou as 14h30 foi só acabar as 23:35. Mais uma vez a chuva se fez presente na cidade maravilhosa e interrompeu as partida que estava no terceiro set e casa cheia que empurrava o brasileiro. Mas na volta, o italiano mostrou por que era melhor e venceu o jogo por 2 sets a 1 com parciais de 6/4, 6/7 e 6/3 e avançou para as quartas de final.

Agora, Berrettini aguarda o resultado da partida entre o espanhol Carlos Alcaraz e o argentino Federico Delbonis, que acontece na sequência da quadra central, na madrugada desta sexta-feira.

“Estou feliz com a vitoria. O Thiago fez uma grande partida e me criou bastante dificuldades para mim. Foi um jogo complicado com essa parada longa e agora é hora de descansar” – Declarou Berretini após a partida.

O jogo

O primeiro set caminhou fácil para o italiano. Rapidamente ele conseguiu uma quebra para cima do brasileiro e sem dificuldade fechou o primeiro set em 6 a 4.

Mas no segundo, Thiago reagiu quebrando o serviço de Berretini e chegou a botar 4 a 1 no placar. Mas o italiano mostrando o ranking que tem, empatou o jogo em 5 a 5 e depois levou o set ao tie break. Berretini chegou a abrir 5 a 2 e com a torcida do lado dele, conseguiu voltar ao jogo e fechou o set e  8 a 6, empatar em 1 a 1 e levar o jogo para o terceiro set.

O terceiro set começou com muito equilibrio e sem quebras, quando a partida foi interrompida pela chuva com 4 a 3 para o italiano retornando somente 6 horas depois. Nesse retorno, Berretini quebrou o serviço do brasileiro e confirmou no game seguinte sua vitória por 6 a 3 e vencendo por 2 sets a 1 e avançando.

Bruno e Murray vencem e buscam primeira final

Crédito: Bruno Neves Lopes/EAZ

Único brasileiro que ainda segue no torneio, Bruno Soares e o britânico Jamie Murray venceram o francês Benoit Paire e o espanhol Albert Ramos-Vinolas, nesta sexta, por 6/3 6/4, e estão na semifinal. Pela vaga na decisão, enfrentarão os campeões da edição 2020, o argentino Horacio Zeballos e o espanhol Marcel Granollers. Será a sexta semifinal do brasileiro no torneio, a terceira ao lado de Murray.

“Estamos jogando bem, é a edição de Rio Open que estou me sentindo melhor. Sobre a semifinal, será pedreira, joguei contra eles umas cinco vezes após a parada pela pandemia e sempre foi bem equilibrado, grandes jogos”, disse o campeão de três títulos de Grand Slam de duplas.

Zeballos e Granollers têm seis títulos juntos na carreira e foram vice-campeões em Wimbledon, no ano passado, e do US Open 2019. Eles não precisaram jogar as quartas de final nesta sexta. O espanhol Pablo Carreño Busta, que firmou parceria com o compatriota Carlos Alcaraz no Rio Open, sentiu uma lesão no abdome e desistiu.

Na outra semifinal, os italianos Fabio Fognini e Simone Bolelli enfrentarão os vencedores da partida entre o mexicano Santiago Gonzalez e o argentino Andres Molteni contra os também italianos Lorenzo Sonego e Andrea Vavassori, programada para esta sexta.

Fognini e Bolelli tem três títulos juntos, sendo o mais importante o Australian Open de 2015. Em 2017, fizeram parceria no Rio Open e perderam na primeira rodada.

dungo

Jornalista, corredor e admirador da cidade maravilhosa

E o que achou sobre esse assunto? Contribua com o Esportes de A à Z! Basta preencher o comentário abaixo.

%d blogueiros gostam disto: